e que a lembrança daquele momento enfraqueceria minha lembrança de tudo o mais. enfraqueceria a vontade, enfraqueceria o sentimento. senti, a partir daquele momento, não ser mais o mesmo. O mesmo rapaz lampejante, de idas e vindas, indeciso, inseguro e incapaz. Seria pior porque nada, absolutamente nada, do que viesse a partir daquele instante poderia se comparar com aquela vontade, com aquele bater de asas, com a lágrima empoleirada em algum lugar da retina, do cristalino dos olhos. E neste instante, tudo parece fazer sentido, o único sentido de me trazer até aqui. mas, um suspiro a mais, o momento vai passar e a coisa volta, e a realidade volta, e o céu atantoado azulando sobre a cabeça volta a se encher de nuvens mais ou menos, que não farão tempestade.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s