Pensei que era picolé, mas era madeira de reflorestamento

Por grande parte da nossa infância, fomos condicionados a achar o brinde nos picolés nas férias de fim de ano. E sempre ganhávamos. A cada três picolés comprados, um vinha com o direito, gravado no palito, a mais um picolé de fruta. A inscrição era revelada à medida que o picolé ia sendo consumido e o coração batia mais forte quando víamos a primeira letra, vitoriosos. Com o prêmio garantido, esticávamos o pedaço de madeira pro vendedor e pedíamos, invariavelmente, o de uva, por favor. E assim nos tornamos adultos felizes e confiantes.

Até que veio a tal madeira de reflorestamento e nos transformou em uma geração repleta de frustrações.

Não entendo por que a promoção sumiu do mapa… Além de fazer a alegria da criançada, a promessa do brinde era também o único motivo para comprarmos as marcas consagradas, já que o preço e a variedade de sabores (“amendoim”) dos picolés genéricos eram muito mais atrativos na nossa infância. Devo admitir que apesar da falta de incentivo, nunca perdi a vontade e o hábito de tomar um belo picolé  kibon/nestlê nas tardes de calor. E olhar com inveja o picolé do outro sempre que um espírito de porco egoísta ostentava o seu no ônibus, nos dias de calor escaldante.

Abaixo, minhas resenhas dos sabores recentemente tomados, devo fazer mais posts do tipo, já que estamos entrando na era do inferno na terra.

Chicabon, Kibon

*****

MKP_Chicabon

O Chicabon é o meu picolé favorito para dias muito quentes. Quanto maior a temperatura, melhor o sabor de um bom Chicabon (e não, essa não é a lógica de todos os picolés, por exemplo, um Magnum não é para dias muito quentes). Pontos:

+ Chicabon é o único picolé de chocolate que consegue ser refrescante como um picolé de frutas

+ Sabor  único

– Alto potencial de bagunça, derretimento não uniforme e rápido!

Frutare Frutas Vermelhas, Kibon

*****

size_590_sorvetes_kibon

Sempre tenho medo de experimentar sorvetes de frutas. Tenho alta sensibilidade para acidez (por exemplo, não como morangos puros porque são muito ácidos). Tomei o Frutare Frutas Vermelhas de café-da-manhã e foi um ótimo substituto para iogurte em uma manhã quente como o inferno. Um dos pontos positivos está na mistura do sabor frutas vermelhas, que não fica em todo o picolé: a polpa das frutas está em algumas regiões, então, é possível sentir sabores variados dependendo da parte em que se está.

O único ponto negativo é o tamanho das sementes (de amora?), que são muito duras, com o perigo de quebrar dentes mais frágeis. Juntei as 8 que estavam no meu picolé e fui deixando dentro do saquinho para jogar fora depois. Se tivesse uma horta talvez desse até pra começar minha plantação.  Pontos:

+ textura cremosa e sabor adocicado de iogurte, sem a acidez

+ sabor das frutas vermelhas bem marcante, porém espaçado e graduado

– picolé fálico

– sementes gigantes de frutas vermelhas

Pega pop (banana), Nestlê

*****

pegapop_deskasca_produto

Se você não é uma criança com curiosidade mórbida por coisas nojentas, NUNCA compre este picolé. Quase vomitei. O picolé é em tamanho mini, e, mesmo assim, quase não consegui comê-lo inteiro, tamanha a rejeição. Coberto com uma geleca com gosto de banana verde, que deveria ter textura de banana amassada, mas consegue apenas ser nojenta, tem recheio do tipo do frutily (única coisa que salva). O preço ainda é exorbitante para o tamanho (R$3,00!!).

– Textura nojenta

– Gosto desprezível

+ Recheio do tipo do Frutily (ou seja, compre um Frutily, não esse)

* Só descobri que a tal cobertura nojenta é pra ser descascada quando fui pesquisar a imagem pra ilustrar o post, desculpaê se não leio instruções de como tomar meu picolé.

 

Frutare Banana, Kibon

*****

Kibon_FruttareCaseiro_BANANA_ComRoupa_MKP

Ao contrário do picolé acima, este é o picolé de banana quase perfeito. Talvez seja um pouco doce demais e melhor para dias menos quentes, mas o sabor de banana é impecável e até viciante, e o picolé ainda vem com fartos pedaços naturais da fruta.

+ Nacas de bananas que não são nojentas

– Picolé fálico

– Doce demais para dias de calor

Anúncios
Pensei que era picolé, mas era madeira de reflorestamento

Um comentário sobre “Pensei que era picolé, mas era madeira de reflorestamento

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s