Lisboa – Portugal, parte 2

Ver Parte 1

Passamos pelo mirante de São Pedro de Alcântara.
Passamos pelo Miradouro de São Pedro de Alcântara.
Por lá dá pra ver um tanto da cidade...
Por lá dá pra ver um tanto da cidade…
Do lado do mirante, tem um funicular - que é um bonde para subir o morro (não sei que tipo de português que veio construir as coisas aqui no Brasil e não importou essa ideia genial da terrinha).
Do lado do Miradouro, tem um funicular – que é um bonde para subir o morro (não sei que tipo de português que veio construir as coisas aqui no Brasil e não importou essa ideia genial da terrinha).
Fomos para a casa em que nasceu o Fernando Pessoa.
Depois, passamos pela casa em que nasceu o Fernando Pessoa. Ópera de São Carlos.
A casa do Fernando Pessoa, na verdade, é essa daí! (obrigada Tiago!)
A casa do Fernando Pessoa, na verdade, é essa daí, logo em frente! (obrigada, Tiago!)

 

Em primeiro plano, uma estátua em homenagem ao poeta; ao fundo, sua casa e os meninos dançando ballet.
Em primeiro plano, uma estátua em homenagem ao poeta; ao fundo, sua casa Ópera de São Carlos e os meninos dançando ballet.
O bar favorito do Fernando Pessoa se chama A brasileira e ainda está lá, assim como uma estátua dele e de uma cadeira, pra quem quiser se sentar #foreveralone.
O bar favorito do Fernando Pessoa se chama A brasileira e ainda está lá, assim como uma estátua dele e de uma cadeira, pra quem quiser se sentar #foreveralone.
Falando em escritores, em um prédio histórico chamado casa dos bicos (bicos significa boquetes em Português de Portugal de baixo calão), fica a Fundação José Saramago.
Falando em escritores, em um prédio histórico chamado Casa dos Bicos (bicos significa boquetes em Português de Portugal de baixo calão), fica a Fundação José Saramago.
Na frente do mesmo prédio, foram jogadas as cinzas do escritor aos pés de uma oliveira.
Na frente do mesmo prédio, foram jogadas as cinzas do escritor aos pés de uma oliveira.
No chão, a frase “mas não subiu para as estrelas, se à terra pertencia”.
No chão, a frase: “mas não subiu para as estrelas, se à terra pertencia” :*)

(continua…)

Anúncios
Lisboa – Portugal, parte 2

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s