Desrima da linha de cozinha

carretel

Era uma vez uma linha de cozinha que queria estar junto com as outras na caixa de costura. Mas ela ficava sempre jogada no armário sob a pia, lamentando sua vida dura.

Ainda nova, fora tirada do alfaiate pra repartir um grande bolo de chocolate. A metade de cima despedaçou quando foi cobrir o recheio, mas era a massa que estava macia, e não culpa da linha, que partiu certinho o meio.

O sucesso do bolo fez com que a linha nunca voltasse para suas semelhantes e ficasse na prateleira de cima, junto com os corantes.

Domingo era o pior dia para a linha, dia de frango assado. Era ela que amarrava as coxas da galinha, que perdia de vez o rebolado.

Solução para o caso não tinha, porque, por mais que suspirasse a linha, não havia, por toda a casa, camisa, calça, lenço ou saia de tecido que, com o amarelo bandeira da linha da confeiteira, não ficasse distorcido.

Anúncios
Desrima da linha de cozinha

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s